top of page
  • Foto do escritorGplace

A História de Alberto Saraiva (criador do Habib’s)


Goolgle Imagens - minhagula.com.br


As histórias de gente que venceu começando do zero não são exclusividade dos Estados Unidos. Você sabia que uma das maiores redes de fast food do Brasil tem uma tragédia por trás?


O pai de Alberto Saraiva trouxe a família de Portugal para o Brasil em busca de novas oportunidades e quando Alberto tinha 17 anos a família se mudou do interior do Paraná para São Paulo para que ele pudesse perseguir seu sonho de ser médico.


Para pagar as contas, seu pai comprou uma padaria, porém o negócio não era tão bom. A situação ficaria pior: em um assalto ao estabelecimento, o pai de Alberto foi assassinado.


Mesmo abalado e traumatizado, Alberto trancou o curso de medicina e assumiu o empreendimento do pai, mas a situação não era nada boa, pois a padaria tinha equipamentos velhos, pouca mão de obra e muita concorrência.


Assim, sua estratégia foi vender pão 30% mais barato que os concorrentes. Pouco mais de um ano depois, vendeu a padaria, agora faturando, para outro português. Em seguida, voltou a estudar.


Durante o restante do curso de medicina, porém, sempre dividiu suas atenções com outras empreitadas. Criou a Casa do Pastel, sempre vendendo baratinho, e fez sucesso. Depois a do nhoque, a da fogazza, a da pizza.


Quando se formou, Alberto guardou o diploma e voltou para trás do balcão e no fim nunca exerceu a medicina, até que um dia conheceu um cozinheiro que pedia emprego e era especialista em comida árabe.

Nascia assim o Habib’s, que está entre as empresas de sucesso do Brasil, contando hoje com 22 mil colaboradores, 430 restaurantes em todo o Brasil e 9 bilhões de esfirras vendidas desde a fundação da rede.


Fonte: https://focanodinheiro.neon.com.br

Commentaires


bottom of page